Cinema Dos EUA

A indústria cinematográfica norte-americana teve um efeito profundo sobre o cinema em torno do mundo desde o início do século XX. A segunda instância gravada de capturando imagens e reproduzindo o movimento foi uma série de fotografias de Edward Muybridge, que mostravam um cavalo galopando, tomadas em Palo Alto, pela Califórnia, usando um conjunto de câmaras fixas colocadas em fila. A realização de Muybridge motivou inventores de todas as partes para uma tentativa de montar dispositivos semelhantes que pudessem ganhar este movimento. Nos estados unidos Nos EUA, Thomas Alva Edison foi o primeiro em gerar um aparelho de tais características, o kinetoscopio, cuja abusiva patente forçou os primeiros cineastas a procurar algumas alternativas. Nos EUA Nos EUA, as primeiras exibições de filmes pra grandes audiências se faziam geralmente nos intervalos dos shows de vaudeville.

Os empresários começaram a viajar pra expor seus filmes, levando pro universo as primeiras incursões no gênero do drama. O primeiro enorme sucesso do cinema norte-americano, como este a promoção experimental mais alongado por enquanto, foi O amplo furto ao trem, dirigido por Edwin S. Porter. No início da indústria cinematográfica norte-americano, Nova York foi o epicentro dos cineastas. O estúdio de gravação de Kaufman-Astoria, no Queens, desenvolvido no decorrer da fase muda do cinema, foi usado pelos irmãos Marx e W. C. Fields.

Chelsea (Manhattan) também era usado com periodicidade. Mary Pickford, uma atriz vencedora do prêmio da Academia, rolou alguns de seus primeiros videos nessa área. Todavia, o melhor de sempre clima de Hollywood durante todo o ano, convertendo-se uma melhor opção para rolar. No começo de 1910, o diretor D. W. Griffith foi enviado pelo Biograph Company pra costa oeste, com a sua companhia. Começaram a filmar em um terreno deserto perto de Georgia Street, no centro de Los Angeles. A companhia explorou novos territórios e viajou várias milhas ao norte de uma pequena cidade.

Este ambiente foi chamado “Hollywood”. Griffith dessa maneira, filmou o primeiro vídeo em Hollywood, Califórnia, um melodrama sobre o assunto Califórnia, em 1800, sempre que pertencia ao México. Depois de ouvir sobre este estupendo território, em 1913, vários gerentes do cinema dirigiram-se pro oeste para evitar as taxas impostas por Thomas Edison, propriedade das patentes a respeito do cinematógrafo. Antes da Primeira Guerra Mundial, os vídeos foram feitas em várias cidades dos EUA, no entanto os cineastas viram o sul da Califórnia, como a indústria a desenvolver-se. Foram atraídos pelo clima suave e confiável da iluminação solar, o que permitiu aos filmes de cinema ao ar livre durante todo o ano, e pela abundância das suas paisagens que estava disponível.

O ponto de partida para o cinema norte-americano foi Griffith com O nascimento de uma nação que foi a pioneira pela filmagem de vocabulário que ainda domina o celulóide até o dia de hoje. A importância de Griffith como realizador foi a sua know-how de utilizar e combinar as técnicas. É deste jeito aplicável à figura de Griffith “O pai do cinema moderno”.

  1. 24 Mark Francis
  2. 1 Inseminação artificial
  3. dois pontos pra Emma
  4. dois Dr. Gero

a Sua imaginação e a sua grande maestria por trás das câmeras fazem o diretor mais respeitável do universo naquela época. O discurso dos Lumière. A ideia por detrás da realidade, não obstante manipula o que aparece na imagem (o mediatiza), ao pesquisar composições que recolhessem os estilos artísticos em voga pela data.

Precisamente, este eco fez com que o cinema chama-se a atenção do público neste momento acostumado com as invenções que tinham a imagem em movimento, como o Kinetoscopio ou outros parelhos. O discurso de Méliès. Aplica-se a pôr em cena a tradição carnavalesca e das festas conhecidos, dando a seus filmes um direito ar fantasmagórico.